Português

Depoimentos

LinkedInPinterestEmail
foto revista A gente

“O violão do Lineu tem uma tocabilidade excelente: graves na medida, agudos brilhantes.  É um violão que se enquadra em qualquer estilo musical. Eu me identifiquei muito. Quando eu toquei o violão do Lineu, senti que tinha tudo a ver comigo, justamente por eu tocar diversos estilos musicais. Para o meu disco, caiu como uma luva.”

Gabriel Sater


“Eu uso os violões do grande Luthier Brasileiro Lineu Bravo. Tenho um Requinto, que é uma preciosidade, e um de Pinho, esse da foto. Outra joia rara! Você já viu alguém nascer falando? É o que acontece com os violões do Lineu! Um banho de sonoridades! Parabéns amigo Lineu, você é um craque!”

João Lyra


“Em uma apresentação que fiz na cidade de Sorocaba conheci o pai do Lineu que me disse: ‘Eu já vi você tocar um violão de seis cordas e de oito cordas, agora quero ver você tocar um de 7 cordas do meu filho!’. Pois eu já estou tocando um violão de 7 cordas do Lineu Bravo e o resultado disso é que todos os outros violões que tenho estão ficando cada vez mais calados. O violão do Lineu é um instrumento versátil e resulta bem em diferentes estilos. É um instrumento bom de tocar e torna as coisas mais fáceis do que elas são na realidade. E quanto à sua sonoridade… Bem, essa qualidade eu não sei explicar porque esse é um segredo que só aos grandes luthiers do mundo é dado conhecer.”

Marco Pereira


“O violão do Lineu Bravo é o de minha estimação. Além de bonito toda a vida, é violão compositor.”

Chico Buarque


“Conhecemos o violão do Lineu através do Mauricio Carrilho e ficamos encantados com o alto nível do acabamento, com a afinação e o equilíbrio perfeitos. São muito adequados para o tipo de música que fazemos, que mescla na mesma proporção texturas camerísticas com levadas rítmicas, certos cuidados sonoros do violão clássico com a pegada da música popular.”

Paulo Aragão – Quarteto Maogani


“O violão de Lineu Bravo é hoje em dia um dos maiores representantes da sonoridade brasileira. Um sete cordas construído com excelência, instrumento fácil de tocar e com um som grandioso. Um dos melhores violões que já tive!”

Douglas Lora


“Em minha opinião, Lineu Bravo é o melhor construtor de violões em atividade no Brasil. Penso que isso se deve a vários fatores. Ele tem uma habilidade rara no trato com as madeiras, tem um acabamento simples e impecável, tem uma regularidade nos resultados alcançados que me fez entregar a um amigo estrangeiro (Doug de Vries), que não poderia esperar seu violão ficar pronto, meu próprio instrumento. Fiz isso absolutamente tranquilo, certo de que receberia do Lineu um instrumento no mínimo tão bom quanto o que eu tinha. Fora tudo isso, o Lineu é o primeiro luthier brasileiro de alto nível que tem uma formação musical estreitamente ligada ao choro. É um ótimo solista de bandolim e cavaquinho, embora um pouco fora de forma pelo acúmulo de encomendas que evidenciam seu sucesso. Conhece, pela experiência musical, as características e necessidades timbrísticas e de tocabilidade que os instrumentos devem ter para um bom desempenho dos músicos. Assim, seus violões, cavaquinhos e bandolins, têm afinação perfeita, volume, projeção, são confortáveis e têm uma enorme estabilidade, mesmo submetidos a condições extremas de temperatura e umidade. Enfim, Lineu Bravo é o maior exemplo do grande progresso que a lutheria brasileira alcançou nos últimos anos graças ao trabalho de vários mestres. E não é fácil ser o melhor entre tanta gente competente.”

Maurício Carrilho


 

“Conheci pessoalmente o Lineu Bravo no Concurso de Violão Musicalis, ocasião em que ele ofereceu um violão de sua autoria para o primeiro lugar. Aproveitei a oportunidade para encomendar um para mim, e o seu instrumento é de uma qualidade excepcional, tendo como um dos pontos altos o equilíbrio entre as primas e os bordões e a sua forte ‘personalidade’. Bravo, bravíssimo, Lineu!”

Giacomo Bartoloni


“Lineu conversa com a madeira, ouve os seus anseios e atende aos seus apelos. Profundo mestre de obras, por fim confere um espírito ao seu engenho. Seus violões são como catedrais. O Lineu é a grande revelação da construção do violão. Ele ascendeu muito rapidamente e estará brevemente entre os melhores do mundo. É um gênio.”

Guinga


 

“Poucas vezes, vi tantas qualidades em um só violão: perfeito equilíbrio entre timbres, impressionante sustain, potente volume, um confortável braço e um lindo acabamento. É um instrumento que, sem dúvida, não deve nada aos grandes violões de renome internacional.”

Marcus Tardelli


“Lineu Bravo é uma das grandes revelações da luthieria brasileira, por sua grande competência na obtenção de resultados sonoros equilibrados e consistentes, bem como pela perfeita afinação e zeloso acabamento de seus instrumentos. Certamente seu nome, que já é referência no cenário musical brasileiro, alçará uma posição extremamente consolidada.”

Flávio Apro


 

“Tive a sorte de encontrar o Lineu no meu caminho. Além de ser um sujeito formidável, seus instrumentos vão de encontro ao que todo músico exigente precisa: afinação perfeita, enorme sonoridade, conforto e beleza.”

Alessandro Penezzi


 

“A perfeição dos violões feitos por Lineu Bravo colocam-no no topo dos luthiers. O equilíbrio entre graves e agudos é impressionante, o acabamento é digno de um grande artista e de uma beleza ímpar. É um instrumento que faz de você um músico melhor! Grande violão, grande Mestre! Obrigado.”

Daniel Santiago


Rogério Caetano com violão de Lineu Bravo

“O Violão de 7 Cordas de Aço feito pelo meu amigo Lineu Bravo estabelece de forma definitiva um padrão de altíssimo nível para esse nosso instrumento tão brasileiro. Com um timbre lindo, muito volume, equilíbrio e uma afinação ótima, é com certeza um marco na lutheria do 7 cordas de aço no Brasil e no mundo. Fico muito feliz por esse modelo levar o meu nome e por saber que esse violão de aço ainda tem muito o que dizer na história da nossa música, ainda mais agora com um instrumento dessa categoria! Parabéns Lineu e vamos em frente!”

Rogério Caetano